Bolsonaro faz duras críticas ao Exame de Ordem

A OAB não tem mesmo muita sorte em certas relações de poder. Rotineiramente, o Ordem faz críticas ao Legislativo, Executivo e ao Judiciário Brasileiro. Talvez por isso tenha sido alvo de tantos projetos na Câmara e Senado que pedem a extinção do Exame de Ordem. Recentemente, foi alvo dos atentos olhos do TCU, inclusive. Agora, foi a vez do presidente eleito, Jair Bolsonaro, atacar a entidade através de críticas severas a Prova da OAB. Isso mesmo, Bolsonaro faz duras críticas ao Exame de Ordem.

Leia também: OAB terá de prestar contas ao TCU.

Bolsonaro faz duras críticas ao Exame de Ordem

O presidente da República eleito, Jair Bolsonaro, deu neste domingo, 25, uma contundente declaração contrária a realização da Prova da OAB. Segundo ele, não se pode submeter os jovens bacharéis a serem “boys de luxo de escritórios de advocacia”. A manifestação ocorrer logo após a fala de seu futuro ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, que especulou exigir certificação de médicos formados no Brasil.

Briga antiga

A desaprovação de Jair Bolsonaro em relação ao Exame de Ordem não vem de agora. Em 2007, enquanto ainda era deputado federal, ele propôs o PL 2.426/07, com o objetivo de extinguir a Prova OAB. O projeto foi apensado a um outro de 2005, proposto por Max Rosenmann, com mesmo tema. Os textos ficaram na gaveta e ainda aguardam parecer na CCJ da Câmara.

 

Tags:

  • Show Comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *

comment *

  • name *

  • email *

  • website *