“Vou fazer Direito”. Esse é o primeiro passo para quem quer se tornar advogado. O caminho é longo, e certamente, vai te apresentar inúmeros obstáculos. O ponto chave inicial é ter a certeza de que, de fato, você quer fazer Direito. A partir dai, escolha uma boa e conceituada instituição de ensino e comece a jornada que culmina com a aprovação na prova do Exame de Ordem. Conheça algumas Competências para o sucesso na advocacia.

Leia também: O futuro da advocacia na internet.

Graduação bem feita

Fazer a graduação tão somente não garante o sucesso. Ele precisa ser construído a cada passo. Procure pensar como advogado já nas primeiras lições de Direito. Passe pela graduação como se fosse um verdadeiro momento de mostrar suas habilidades e adquirir novos conhecimentos. “Fazer a graduação apenas para ser aprovado é algo enfadonho e sem graça. Advogado bom, respeitado e de sucesso, começou já na faculdade a demonstrar o seu talento”, ressalta o professor e jurista João Olímpio.

Networking precioso

Uma das principais necessidades de um bom operador do direito é uma boa rede de contatos. Isso pode lhe garantir a indicação de clientes por parte de colegas, amigos, e até de grandes escritórios. Nesse ponto, volto ao item anterior e lembro que esta rede deve começar logo na faculdade. “Meus primeiros clientes apareceram assim que me formei. Foram três trabalhadores que precisam de um advogado e eu fui indicado por um professor da minha graduação”, explica Marcelo Magalhães, advogado trabalhista que atua em Arcoverde-PE.

Comunicação pessoal e imagem

Comunicar-se bem é FUNDAMENTAL para o sucesso do advogado. O talento da comunicação pode determinar o ganho de uma causa além de facilitar na relação com o cliente. E isso passa desde a sua comunicação pessoal a até mesmo a linguagem corporal. O Advogado vai lidar com magistrados em audiência e vai representar o seu cliente. Isso exige respeito, roupas adequadas e linguagem corporal específica. “É preciso saber se portar diante de um juiz e de seu cliente. A linguagem do corpo faz parte da hermenêutica e da atuação do advogado, principalmente em situações decisivas, como um júri, por exemplo”, aponta Nádia Sarmento, defensora pública.

Bom atendimento

Atender bem também faz parte das Competências para o sucesso na advocacia. Alias, essa regra vale para todas as carreiras. Mas lembre que a relação cliente x advogado é pautada na confiança. Se um possível cliente não é bem atendido dificilmente vai confiar em você e certamente não será seu cliente. Não adiantar ter um conhecimento gigante. Se o seu saber jurídico for maior do que o respeito e atenção ao seu cliente, você não terá, se quer, a chance de mostrar o que realmente sabe.

Atualização e visão empreendedora

Manter-se atualizado é também essencial. Uma das mais importantes competências para o sucesso na advocacia. Súmulas, Jurisprudências ou casos julgados precedentes. Tudo isso vai ajudar na sua desenvoltura, mas é preciso estar ligado e antenado ao universo jurídico. Outro ponto é o pensamento empreendedor. Viver da advocacia é ter um pensamento empresarial. Você não vai ter renda fixa, ao mesmo tempo em que não terá tetos ou limitações de ganho. Pense e planeje sua careira como se fosse um empresário.

Tags:

  • Show Comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *

comment *

  • name *

  • email *

  • website *

You May Also Like

Hoje, às 19h: Aryanna Manfredini comanda revisão de Processo do Trabalho para OAB

Aryanna Manfredini é a responsável por comandar nosso quinto dia de transmissões do Curso ...

O método de revisão que mudou minha vida!

POR QUE REVISAR? OABeiros desse Brasil, quanto mais eu estudo, mais me convenço de ...

OAB quer definir novos limites da publicidade na advocacia

O assunto é pertinente e geralmente desperta algumas polêmicas: a regulamentação da publicidade na ...

OAB-PE cria Observatório da Intolerância Política

Em meio a um momento político turbulento, polarizado e com debates polêmicos, a OAB ...