Dica 1ª fase OAB : Direito do Trabalho – Contrato de Trabalho

Contrato de Trabalho

Olá, OABeiros! Estão prontos para mais uma trilha de conteúdos preparada especialmente para vocês? Hoje iremos abordar um assunto mega importante para a 1ª fase do Exame de Ordem. Estamos falando do tema de Contrato de Trabalho, bastante recorrente nas provas de Direito do Trabalho.

Inicialmente, segue gráfico de recorrência de Direito do Trabalho na OAB:

Então, estejam preparados para enfrentar, em média, 6 questões de Direito do Trabalho na prova.

Agora, partiremos para  de um dos temas com maior índice de incidência.

📚 O que é Contrato de Trabalho?

À primeira vista, o contrato de trabalho é o documento responsável por vincular o empregador e o empregado. No qual ficam acordadas as decisões das partes, as condições da atividade profissional exercida e os direitos dos funcionários.

Assim, conforme o entendimento do art. 442 da Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT), “Contrato individual de trabalho é o acordo tácito ou expresso, correspondente à relação de emprego”.

🔍 Características:

  • Natureza privada: O Contrato de Trabalho possui natureza privada, visto que se trata de uma relação regida pelo direito privado. Ocorrendo mesmo quando o Estado atuar como o empregador.
  • Bilateral: Implica em obrigações recíprocas e contrapostas.
  • Consensual: Exige-se apenas o acordo da livre vontade das partes, independentemente de formalidade para sua configuração
  • Intuitu personae: É o caráter pessoal e intransferível da prestação de serviços do empregado.
  • Trato sucessivo: As obrigações das partes renovam-se no tempo, vigorando a indeterminação do prazo do contrato de trabalho.

IMPORTANTE: A legislação pátria prevê, como exceção, o ajuste laboral por prazo determinado, cuja vigência dependerá de termo prefixado, da execução de serviços especificados ou, ainda, da realização de certo acontecimento suscetível de previsão aproximada, nos termos do §1o do art. 443 da CLT.

  • Onerosidade: Diz respeito a remuneração paga pelo empregador em troca da prestação de serviços do empregado.

 

📖Efeitos do Contrato de Trabalho

De modo geral, são divididos em efeitos próprios ou conexos.

Os efeitos próprios representam as obrigações do empregado e do empregador, ou seja, decorrem da da própria natureza do contrato. Assim, à medida que as obrigações do empregador são: pagar salário e demais parcelas decorrentes do pacto laboral (obrigação de dar), assinar CTPS (obrigação de fazer), realizar o registro do empregado, entre outras. Os deveres do empregado consubstanciam-se em prestar os serviços exigidos pelo tomador e manter conduta compatível com o labor, tal como cumprir com o horário.

Já os efeitos conexos, podem ser definidos como os efeitos acessórios do contrato de trabalho, podendo vir a acontecer ou não. A título de exemplo, temos o direito intelectual, que está ligado à propriedade e participação em invenções, bem como o desenvolvimento de tecnologia de acordo com vinculação ou não ao contrato.

📝Suspensão e Interrupção do Contrato de Trabalho

A interrupção se caracteriza quando o empregador continua arcando com as despesas do empregado quando esse se encontra inativo, sendo esse período computado como tempo de serviço. Já na suspensão, esse período não conta como tempo de serviço.

Vejamos as hipóteses de Suspensão:

  • Suspensão disciplinar: até 30 dias. Ultrapassado este prazo, será considerada rescisão injusta do contrato de trabalho, nos termos do art. 474 da CLT.
  • Falta injustificada;
  • Afastamento para prestação de serviço militar ou outro encargo público;
  • Aposentadoria por invalidez;
  • Afastamento para exercício de cargo de dirigente sindical;
  • Eleição de empregado para ocupar cargo de diretor de S/A;
  • Greve;
  • Afastamentos do empregado por motivo de doença ou acidente de trabalho a partir do 16º dia.

 

Gostou do nosso conteúdo?

Conheça agora a Revisão da Vitória – OAB 1ª Fase e tenha acesso gratuito a:

– Pílulas do Conhecimento;
– Aulas de resolução de questões;
– Sessões de coaching;
– Questões do histórico da FGV;
– Curso Fechando Ética;
– Lives de Acorda e Madruga OAB;
– PDFs Cers;
– Questões desafio e dicas do dia no grupo do Whatsapp;
– 02 simulados inéditos com correção em vídeo;
– Aulas de revisão de questões pela manhã, tarde e noite, nas 2 semanas que antecedem a prova;

E claro, o tão esperado Aulão de Revisão de Véspera, nos dias 01 e 02 de Julho.

Clique aqui e se inscreva no curso

Revisão da Vitória – OAB 1ª Fase

Quer saber mais sobre o curso? Acesse aqui e confira todo o conteúdo gratuito do CERS.

Conheça também o COMBO de OAB do Cers

Contar com ajuda especializada é sempre bom, né? Imagina ter acesso aos maiores especialistas em Exame de Ordem? Acesso a professores, materiais exclusivos e simulados inéditos é com certeza um diferencial para a sua aprovação, por isso dá só uma olhada no curso COMBO do CERS.

Para aqueles que desejam ser aprovados no XXXV Exame de Ordem Unificado da OAB, o CERS Cursos Online desenvolveu um curso COMBO para garantir sua preparação antecipada em todas as fases do XXXV Exame de Ordem.

 

Tags:

  • Show Comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *

comment *

  • name *

  • email *

  • website *

You May Also Like

Liberado Gabarito 1ª Fase OAB: Preliminar Oficial

A FGV acaba de divulgar o Gabarito 1ª Fase OAB Preliminar Oficial do XXXIII Exame ...

Dica de 1° fase OAB: litisconsórcio

Olá, OABeiro (a)!  Você sabia que um dos assuntos cobrados na seara do Direito ...

Aulão Presencial Gratuito OAB XXXI

Bem às vésperas da prova da 1ª fase, no dia 07 de fevereiro de ...

Dica para 1ª Fase OAB: Direito Penal

Olá, OABeiro! Está com dedicação total na preparação para a 1° fase da OAB? ...

Antecipe seus estudos para o XXIX Exame de Ordem

Como sabemos, este ano de 2019 será bem apertado para os OABeiros que vão ...