Olá, OABeiro!

Está com dedicação total na preparação para a 1° fase da OAB? Esperamos que sim! Mas sabemos que é uma caminhada exaustiva. A necessidade de ter conhecimento sobre 17 (dezessete) disciplinas com conteúdos extensos não é nada fácil. Pensando em você, preparamos este material de Direito Penal, que será o seu diferencial. 

Vamos juntos!

RECORRÊNCIA DOS ASSUNTOS

Para dar um golpe fatal nesta disciplina e dominá-la, é preciso estar munido. O primeiro passo é conhecê-la. Por isso, a importância de saber os assuntos mais cobrados nos Exames mais recentes. Nós temos isso prontinho para você, pois, quando dizemos que “vamos juntos” para a sua aprovação, é que estamos de “mãos dadas” até sua vermelhinha. 

A análise foi realizada com base nos Exames mais atuais: o XXVIII (2019), XXIX (2019), XXX (2019) e XXXI (2020). Mostraremos os principais temas cobrados nestes Exames, então, fique ligado!

Crimes em espécie 9
Teoria geral do delito 5
Execução penal 2
Legislação penal extravagante. Leis penais especiais. 2
Interpretação e integração da lei 1
Erro 1
Origens e finalidades da pena 1
Medidas de segurança 1
Causas extintivas de punibilidade 1

 

ANÁLISE DA RECORRÊNCIA 

Percebe-se que os assuntos mais cobrados são: Crimes em espécie, com a incidência mais alta, sendo exigido nove vezes. Em seguida, a Teoria Geral do Delito, cobrados cinco vezes. Execução penal, Legislação penal extravagante e Leis penais especiais foram cobrados duas vezes. Interpretação e integração da lei, Erro, Origens e finalidades da pena, Medidas de segurança e Causas extintivas de punibilidade, exigidos uma vez cada.

DICA PARA 1ª FASE OAB

Dos crimes contra a pessoa é uma das temáticas mais exigidas e costumeiramente lembrada pela FGV em questões do Exame de Ordem. Portanto, se liga em um dos artigos mais cobrados:

Art.  121, CP.  Matar alguém

Pena – reclusão, de seis a vinte anos.

 Caso de diminuição de pena

1º Se o agente comete o crime impelido por motivo de relevante valor social ou moral, ou sob o domínio de violenta emoção, logo em seguida a injusta provocação da vítima, o juiz pode reduzir a pena de um sexto a um terço.

Leia o artigo na íntegra aqui!

DICA DE PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DE ESTUDOS

Um bom planejamento de estudos não dura um dia ou uma hora, pode durar meses. Como assim, não é perda de tempo? Não é melhor começar a estudar imediatamente todo o assunto que puder? Não! Pode ter certeza que será a maior furada. Um bom planejamento de estudos é a materialização da sua preocupação com o futuro. O caminho é estudar com qualidade, baseado em um plano. Muito ansioso para ter em mãos a sua tão sonhada carteirinha da OAB? Então, cumpra o seu planejamento.

LEITURA INTELIGENTE

Esse é um verdadeiro “conselho de vó”: leia o mais devagar que puder! Isso mesmo, pratique um ritmo lento de leitura. A redução de velocidade trará calma, o que, consequentemente, melhora o desempenho por meio do aumento da concentração. Pratique insistentemente, pois com o tempo você encontrará seu ritmo próprio e não precisará ler tão lentamente, gerando mais resultados. Sabemos que a pressa de ser aprovado é grande, mas não deixe que ela atrapalhe os seus estudos. Assim, iremos te lançar esse desafio hoje: leia devagar e com qualidade.

REGIME DE INFORMAÇÕES

Está estudando? Então, nada de redes sociais, séries ou qualquer outra distração inútil que não te agregará em nada. Afinal, quem ganhou o reality show não irá cair na prova da OAB, não é mesmo?! 

No entanto, a internet não é totalmente má. Se você utilizar sabiamente, dará um up ainda maior nos seus estudos. Quer um exemplo? Você conhece nosso aplicativo OABeiros? Então, se liga nessa dica super top. Nele você encontrará simulados, questões, leis e artigos atualizados, e muito mais. Conteúdo de qualidade na palma da mão.?

Leia também: Dicas para 1ª Fase OAB: Direito Internacional

CAI EM PROVA

Para dar aquela turbinada nos estudar entenda como a FGV exige o conteúdo:

Ano: 2017 Banca: FGV Órgão: OAB Prova: FGV – 2017 – OAB – Exame de Ordem Unificado – XXIII – Primeira Fase

Pedro, jovem rebelde, sai à procura de Henrique, 24 anos, seu inimigo, com a intenção de matá-lo, vindo a encontrá-lo conversando com uma senhora de 68 anos de idade. Pedro saca sua arma, regularizada e cujo porte era autorizado, e dispara em direção ao rival. Ao mesmo tempo, a senhora dava um abraço de despedida em Henrique e acaba sendo atingida pelo disparo. Henrique, que não sofreu qualquer lesão, tenta salvar a senhora, mas ela falece.

Diante da situação narrada, em consulta técnica solicitada pela família, deverá ser esclarecido pelo advogado que a conduta de Pedro, de acordo com o Código Penal, configura

A) crime de homicídio doloso consumado, apenas, com causa de aumento em razão da idade da vítima.
B) crime de homicídio doloso consumado, apenas, sem causa de aumento em razão da idade da vítima.
C) crimes de homicídio culposo consumado e de tentativa de homicídio doloso em relação a Henrique.
D) crime de homicídio culposo consumado, sem causa de aumento pela idade da vítima.

Gabarito: Letra B

Se liga! Essa e muitas outras questões você encontra em no Aplicativo Oabeiros!

E aí, OABeiro curtiu essas dicas? Esperamos que seja um diferencial para conseguir a sua tão sonhada vermelhinha! 

Vamos juntos!

 

Tags:

  • Show Comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *

comment *

  • name *

  • email *

  • website *

You May Also Like

Fique por dentro dos novos conteúdos exigidos em concursos

O 1º semestre de 2015 trouxe novas leis, projetos de lei, súmulas e OJ's ...

Como apresentar o TCC sem transmitir nervosismo

Se além da sua preparação para o Exame de Ordem, você também precisa se ...

O que podemos esperar do XXV Exame de Ordem

Não é tarefa fácil fazer previsões responsáveis sobre o grau de dificuldade da prova ...

Leve o conhecimento com você

O segredo para estudar para concurso público é a preparação antecipada e saber aproveitar ...

Lei fortalece honorários advocatícios assistenciais

O Diário Oficial da União já publicou a sanção da Lei nº 13.725, que ...

Direito e Prática Previdenciária

A ordem social é imprescindível para que se alcançar a igualdade social e estruturação ...