Fiquem atentos a disciplinas como Direito Internacional. O detalhe que pode levar a sua aprovação está justamente nas matérias com menor quantidade de questões. Por isso mesmo você não deve esquecê-las. Durante o Revisaço 1ª. Fase OAB, o professor Bruno Viana apresentou dicas de grande utilidade para a sua prova.

Direito Internacional

A dica de hoje vai falar sobre Expulsão de Estrangeiros. Tema de grande probabilidade de ser cobrado pela FGV no Exame de Ordem. A expulsão de estrangeiros no Brasil se dá pelos seguintes casos:

  1. Deportação – Se dá quando o estrangeiro se encontra em estado irregular no Brasil, sem visto de permanência ou com o visto vencido, por exemplo. A deportação é feira pela Polícia Federal. Posteriormente, o estrangeiro pode voltar a entrar no Brasil normalmente, desde que cumpra as formalidades legais e não tenha débitos com o tesouro nacional.
  2. Expulsão – Acontece quando o estrangeiro comete grave falta que atinja os interesses nacionais. Pode ser decretada pelo presidente da república e também pelo ministro da justiça. Não pode retornar ao país enquanto durar o decreto de expulsão.
  3. Deportação: Ocorre quando as autoridades brasileiras são provocadas por outro país a devolver o estrangeiro à nação na qual tenha cometido crime.

OBS: Se liguem nas Súmulas 01 e 421 do STF. Elas falam da condição de saída do estrangeiro em caso de filho ou casamento com brasileiros.

Tags:

  • Show Comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *

comment *

  • name *

  • email *

  • website *

You May Also Like

Dica de 1° fase OAB: artigos mais recorrentes de Direito Civil

Olá, OABeiro! Está com dedicação total na preparação para a 1° fase da OAB? ...

Mentalize a sua vitória na prova OAB

Vitória. É o que desejamos a você que vai, neste domingo, realizar a 2ª ...

Comece já seu estudo para o XXIX Exame de Ordem

O Edital do XXIX Exame de Ordem já foi publicado. Não perca mais tempo ...

29.922 aprovados na lista preliminar OAB

Acabamos de receber os dados oficiais por parte do Conselho Federal da OAB. Menos ...