A hora de fazer uma boa revisão para a OAB

Estamos a menos de duas semanas da 1ª Fase do XXX Exame de Ordem. A prova objetiva se aproxima e já acontece no dia 20 de outubro. Assim tão perto, é chegado o momento de dar todo o gás. Com o tempo encurtando, é preciso apostar todas as fichas na otimização de seus estudos. É a hora de fazer uma boa revisão para a OAB. Para ajudá-lo nessa missão, fizemos uma seleção de estratégias e técnicas de revisão para a prova.

Leia também: Aprovação na OAB: uma questão de equilíbrio emocional

A hora de fazer uma boa revisão para a OAB

A repetição é um método extremamente usado para estimular a memorização de determinado conteúdo. Nesse sentido, o examinando deve se valer dessa técnica, repetindo os pontos que precisam ser aprendidos, por meio de leitura, anotações, e realização de exercícios que façam aumentar a fixação do conteúdo.

Repetição espaçada

Há também a repetição espaçada. Essa estratégia consiste em repetir o conteúdo espaçado em diferentes períodos. Como assim? É simples: quando aprender algum conteúdo novo, estude-o no mesmo dia, depois em alguns dias, e mais uma vez aguarde algumas semanas. Tal técnica ajuda a estimular o hipocampo a recuperar a informação em períodos de tempo mais espaçados, fazendo com que a informação seja registrada de forma efetiva na sua mente.

Importância da memorização

Atenção e foco são necessários para o hipocampo conseguir memorizar uma informação. Por isso, quando você concentra sua atenção em um único assunto, o cérebro entende que aquele ponto como importante e facilita a memorização. O examinando deve estar focado nos estudos, favorecendo, assim, que você memorize o conteúdo.

Importância dos intervalos

Ao entrar em contato com muitas coisas novas em pouco tempo, o cérebro tende a filtrar as informações, retendo apenas algumas delas. Dessa forma, o examinando que estuda por muitas horas seguidas pode comprometer a eficiência da sua preparação. É importante também fazer intervalos de aproximadamente 30 minutos para descansar e deixar o cérebro absorver as informações.

 

 

Tags:

  • Show Comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *

comment *

  • name *

  • email *

  • website *

You May Also Like