Reprovado 14 vezes no Exame de Ordem… e não desistiu!

reprovado 14 vezes na oab

O medo da reprovação é natural para muitos candidatos ao Exame de Ordem. Afinal, após tanta dedicação e estudo nada mais justo do que ser recompensado com o nome na lista de aprovados. Por 14 vezes, Edson enfrentou a frustração de ser reprovado. Enquanto muitos já teriam desistido, ele continuava tentando com o incentivo da família.

Estudo

“Fiz muitas coisas na minha vida e a principal delas foi a de sempre mais trabalhando do que estudando. Fui de boia-fria a garçom, e de aprendiz de relojoeiro a quase jogador de futebol profissional, entre outras diversas, porém eu sempre ouvia que para abrir as portas do céu era preciso estudar muito, e foi isso que eu tentei a minha vida toda”.

Formado em Administração e pós-graduado em Gestão de Negócios, Edson iniciou a faculdade de Direito em 2008. A conclusão do curso veio aos 40 anos de idade, e logo em seguida as tentativas em passar no Exame de Ordem.

Família

Ao longo dos últimos anos, os filhos do Edson foram a sua inspiração. No Dia dos Pais, ele ganhou de presente um desenho que dizia: “Escritório de Advocacia”, e logo em cima a mensagem: “Papai, você vai passar!”.

E assim foram 14 Exames de Ordem sem passar na 1ª fase, estudando sem nenhum curso preparatório.  Até que um dia, depois do XX Exame de Ordem, ele havia decidido desistir. Mas a família dele não.

“Pois bem, dias antes da prova do XXII exame, minha esposa chegou até mim e disse: “Tá pago o boleto, vai e tente pelo menos mais uma vez”, e assim eu fui, passei pela 1ª vez para a 2ª fase depois de 14 Exames.”

2ª fase

A oportunidade apareceu e Edson tinha receio de decepcionar a esposa e filhos. Dois dias após o resultado, ele escolheu o curso online para 2ª fase do CERS e começou a estudar como nunca havia estudado antes.

Ele imprimiu o cronograma de todas as matérias e cumpriu rigorosamente. Ele deixou apenas de fazer os Simulados, pois tinha medo de tirar uma nota muito baixa, ficar desestimulado, e acabar desistindo. Para ele, era tudo ou nada!

Edson assistiu às aulas de Direito do Trabalho dos professores Aryanna e Rafael, mas aprendeu muito mais do que a matéria em si. As histórias e mensagens de incentivo dos professores elevou a motivação para outro patamar. Edson sentia que estava estudando com alguém que de fato estava preocupado com muitos que aguardavam a aprovação.

“Assim, o resultado não poderia ser outro… PASSEI!”

No dia 21 de julho de 2017, ao encontrar o nome na lista de aprovados, a reação não pode ser outra. Edson comemorou aos berros e com muitas lágrimas de emoção ao lado da família.

Hoje, ele já está advogando. E com a certeza que chegará muito longe.

Confira mais depoimentos no blog eusoucers.com.br

Tags:

  • Show Comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *

comment *

  • name *

  • email *

  • website *

You May Also Like

Cuidado com questões interdisciplinares na Prova OAB

Uma das características marcantes da Fundação Getúlio Vargas é o uso de questões interdisciplinares ...

ATENÇÃO: Prazo de pagamento da inscrição OAB

Atenção OABeiros. Termina hoje o prazo de pagamento das inscrições feitas no XXXI Exame ...

Em primeira decisão após reforma juiz multa testemunhas

Conhecido por ser o primeiro magistrado a aplicar a Reforma Trabalhista, o juiz José Cairo ...

Como estudar as disciplinas mais difíceis da OAB

Na hora de estudar para OAB você não pode deixar de lado aquelas disciplinas ...

Lei prevê saque do FGTS para pagamento de faculdade

Boa notícia para quem sonha em cursar uma faculdade e busca um diploma de ...